InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 I N T E R N E T

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:00 am

AI, que NOJO!!! Laughing Laughing Laughing e EU COM 6 CASAS DE BANHO AQUI NA Mansao........................
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:20 am

Mango, sabe qual era a alcunha da população de constância em tempos idos Question Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:23 am

ricardonunes escreveu:
Mango, sabe qual era a alcunha da população de constância em tempos idos Question Wink

Não faço a minima ideia
Ate porque ia muitas vezes á Golegá e aos terrenos da empresa
Almoçava sempre por aí perto

ja agora não me diga que é penico

O penico da europa é a Belgica
Sabia ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:26 am

RONALDO ALMEIDA escreveu:
AI, que NOJO!!! Laughing Laughing Laughing e EU COM 6 CASAS DE BANHO AQUI NA Mansao........................

Ja agora aqui no palacio há 55 ou 58 casas de banho
E tenho um problema
A maioria foram feitas sem Ordens da Camra Municipal

E ja agora
Parte foram destruidas e metida loiça nova e moderna
Como é uma zona de casamentos HOJE em Portugal uma WC é sempre um exemplo de nivel social

Agora ate os empregados teem que ter uma WC privadas
e WC para deficientes são hoje imposição
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:28 am

Vitor mango escreveu:
RONALDO ALMEIDA escreveu:
AI, que NOJO!!! Laughing Laughing Laughing e EU COM 6 CASAS DE BANHO AQUI NA Mansao........................

Ja agora aqui no palacio há 55 ou 58 casas de banho
E tenho um problema
A maioria foram feitas sem Ordens da Camra Municipal

E ja agora
Parte foram destruidas e metida loiça nova e moderna
Como é uma zona de casamentos HOJE em Portugal uma WC é sempre um exemplo de nivel social

Agora ate os empregados teem que ter uma WC privadas
e WC para deficientes são hoje imposição

o amigo podera visitar o site " .quintadoslagos e vera que agora ate os cavalos e cavalariças teem a caca assegurada
Ontem andei com o tractor a acarregar estrume para as arvores
O estrume de cavalo é catita ...nao cheira mal

http://www.quintadoslagos.com.pt/animacoes/lagos.php

---------------------------
apesar de ser dono e pagar tudo o que as finanças me envia para cobrar nada tenho a ver com gerencia
Nest momento estao a construir um picadeiro á prova de chuva
Logo vamosn ter mais WC
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:37 am

Bem, os autóctones ficaram batizados de peniqueiros.
E isto porquê?

Porque a populaça da "urbe" quando acordava tinha um ritual, despejar o penico, e como não havia quintal...
Ora, essa operação "delicada" era antecedida de um grito de alerta, CÁ VAI PENICO.

E vai dai, que os rústicos das redondezas, que tinham quintais, batizaram os habitantes de Punhete (Punheteiros) de peniqueiros.

Testemunho histórico passado pelos meus avós.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:38 am

Vitor mango escreveu:
Vitor mango escreveu:
RONALDO ALMEIDA escreveu:
AI, que NOJO!!! Laughing Laughing Laughing e EU COM 6 CASAS DE BANHO AQUI NA Mansao........................

Ja agora aqui no palacio há 55 ou 58 casas de banho
E tenho um problema
A maioria foram feitas sem Ordens da Camra Municipal

E ja agora
Parte foram destruidas e metida loiça nova e moderna
Como é uma zona de casamentos HOJE em Portugal uma WC é sempre um exemplo de nivel social

Agora ate os empregados teem que ter uma WC privadas
e WC para deficientes são hoje imposição



o amigo podera visitar o site " .quintadoslagos e vera que agora ate os cavalos e cavalariças teem a caca assegurada
Ontem andei com o tractor a acarregar estrume para as arvores
O estrume de cavalo é catita ...nao cheira mal

http://www.quintadoslagos.com.pt/animacoes/lagos.php

---------------------------
apesar de ser dono e pagar tudo o que as finanças me envia para cobrar nada tenho a ver com gerencia
Nest momento estao a construir um picadeiro á prova de chuva
Logo vamosn ter mais WC

Tenho o site da QUINTADOSLAGOS, em arquivo , faz muito tempo!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:49 am

Caro Ricardo
Só que houve um divorcio pelo meio e houve uma separação de aguas

A " manao e a palhota do mango nao aparecem no site porque nao fazem parte
Quando recebi a Q Serra.da por herança ...parte das casas nem telhado tinham
Tudo era lixo caca silvas e Ciganos
E apostei comigo que era capaz de levantar a casa
Comecei por onde ninguem começa
pelos jardins ...

E sucedeu uma coisa girissima
Perguntei a Mestre das cerimonias
Pá o nivel social subiu ou desceu com tanto riquismo
ahhhhhh
desceu
hoje quem tem dinheiro é o ..rural que gasta tudo no casamento da filha

... estes gajos pagam 100 q 150 euros por bico
sao loucos e endinheirados

Quando comecei esta actividade no inicio os casamentos eram de mesa corrida e pipo de vinho e 5 contos por bico e cozinha nem havia
Essa a gestão
Caminha do nada para o pouco a pouco e nunca pedir bago ao banco e esperar pelo negocio
Aí quer tudo
Porque ?
Leva 3 anos para se arranjar nome ou ser conhecido
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:55 am

[img]


Caro Ricardo
Esta esta a cozinha inicial da quinta
Nem acredita ...mas era mesmo assim
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:56 am

BELGICA E O PENICO DA EUROPA e NEW JERSEY o da AMERICA. Alias muti parecidos!!! Nao esqueco uma vez na BELGICA, ver um rio pequeno a ferver de tanta poluicao!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 10:57 am

BELGICA E O PENICO DA EUROPA e NEW JERSEY o da AMERICA. Alias muito parecidos!!! Nao esqueco uma vez na BELGICA, ver um rio pequeno a ferver de tanta poluicao!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 11:00 am




eis um palheiro antigo da quinta
tentei tudo o que era ministro da cultura para o segurar
Foi reconstruido

Ao fundo fica a quinta onde nasceu o Mouzinho de Albuquerque o militar com mais tomates de portugal
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sab Dez 08, 2007 11:05 am

Estou com vontade de comprar uma QUINTA, por ai!!! De vez em quando pesquiso aqui na internet sites que vendem HERDADES, quintas etc. Sempre tive vontade. Tenho uma no BRASIL e uma aqui na FLORIDA. Mas o meu sonho e ai em PORTUGAL!! Costumava muito ir passar uns tempos na QUINTA de um amigo ali perto de SEIA!!! uMA MARAVILHA, COM UM palacete. Um familiar meu , tinha varias em PONTE DE LIMA e um dos PALACETES mais bonitos de la!!! O meu tio tinha muitas propriedades, a volta de ALPIARCA!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: aviso importante ...Virus da Optimus   Qua Jan 09, 2008 7:16 am

acabei de enviar este e mail á Optimus
================================
Bom Dia

Chamo a atenção de Vcs que a mancha laranja se esta a portar nos Pcs como um autentico vírus
Os Pcs ficam bloqueados e o ecran vai pouco a pouco sumindo-se debaixo das bolas laranjas
O unico recurso é desligar o PC
Isto impossibilita a leitura de jornais onde teem anuncios
Uma praga autentica

Agradecia o favor de me informar como desbloquear os Pcs atingidos
Cumprimentos
J Monteiro
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sex Jan 11, 2008 4:45 am

Como é do dominio publico aqui vai a resposta da Optimus
Caro Cliente,

======================================

Desde já agradecemos a sua comunicação, a qual mereceu a nossa melhor atenção.


Em sequência do e-mail recebido, vimos por este meio informar que a situação que nos reportou era referente às campanhas que foram criadas pelas agências para publicidade online.
Efectivamente nessas campanhas havia magma que se sobrepunha às páginas onde se punha a publicidade e que dificultava a utilização da própria página, mas não seria necessário efectuar shut down do PC bastava aguardar uns segundos.
Contudo, ao colocar o cursor em cima da imagem surge a opção para a fechar.

Relembramos que, para esclarecimentos adicionais sobre os nossos produtos e serviços, estamos ao seu dispor entre as 08h e as 24h na Linha de Apoio a Clientes 1693 e em www.optimus.pt.

Com os nossos melhores cumprimentos,

Até breve,


Andreia Martins

1693@optimus.pt

Serviço ao Cliente
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sex Jan 11, 2008 4:47 am

Ja respondi que sempre que me aparece a magna que eu mando um palavrão daqueles GORDOS

e que a publicidade deste tipo chateia e afasta o leitor dos jornais logo que vê a imagem

Vcs lembram-se dos POPs que saltavam logo que ..
Desapareceram
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Portugueses cada vez mais presos ao vício e a precisar de aj   Seg Jan 28, 2008 6:25 am




Estes
casos de jogo compulsivo chegam aos consultórios médicos à medida que a
Internet se vai tornando mais acessível, sobretudo entre os jovens, mas
segundo um psicólogo especialista em dependências são de difícil
resolução.
A dependência de Miguel (nome fictício) começou há uma década, numa viagem de finalistas a Espanha, com as slot-machines.
O desafio e o prazer que lhe proporcionavam começaram depois a atraí-lo
para o Casino de Estoril, mas conseguiu resistir à tentação devido à
distância que separava a sala de jogo da sua casa em Lisboa.
«quatro ou cinco anos» começou a apostar no mundo de jogos que a Internet oferecia e o vício foi-se agravando até se tornar uma «verdadeira prisão» que o levava muitas vezes a passar 12 horas agarrado ao computador e a perder 20 mil euros.
«Os jogos na Internet são o pior de tudo. É ter o vício em casa ou no trabalho disponível a qualquer momento», contou à Lusa o jovem, que preferiu não revelar o nome, mas que quis partilhar a sua experiência para alertar o número «cada vez maior» de jovens que caem nesta armadilha.
Começa-se
a jogar por prazer, pelo desafio, com apostas muito pequenas. Mas
depressa o desafio passa a uma necessidade incontrolável de jogar e «o dinheiro já não é importante». «Apostei em coisas que nem conhecia, como o hóquei norueguês», conta, recordando que numa aposta de póquer, que demorou 30 segundos, perdeu 600 euros.
Com
a voz apressada, lembra ainda um fim-de-semana em que num acto de
desespero para resgatar o dinheiro que estava a perder recorreu a uma
conta bancária da mãe por telefone e gastou quatro mil euros.
Este acto ainda hoje o atormenta: «É um sentimento que não controlamos. Sabemos que nos prejudica, mas não conseguimos sair», afirma, recordando as muitas ocasiões no trabalho em que contava os minutos que faltavam para chegar a casa e jogar. «Se fosse preciso, começava a jogar às 19h00 e só parava às 06h00 do outro dia», disse, justificando: «quando se começa a perder entra-se na fase de desespero e jogamos para recuperar até ficar com a conta a zero».
A situação agravou-se há oito meses, quando foi viver sozinho e não tinha de dar satisfações a ninguém. «Em três dias gastava o meu ordenado de 1.700 euros e ficava sem dinheiro para comer»,
motivos que até obrigaram a mãe a pedir um empréstimo. Com a ajuda da
namorada e dos pais, resolveu pedir ajuda médica há um mês por
reconhecer que o jogo lhe estava a «arrasar» a vida, sendo o seu próximo passo procurar apoio nos Jogadores Anónimos.
Miguel não joga há um mês, mas confessa que é «muito difícil» resistir, lembrando que já tentou outras vezes e não conseguiu. «É
um vazio complicado de gerir, uma pessoa viciada nunca deixa de o ser,
vai vivendo um dia de cada vez tentando contornar o problema»
, lamentou.
Esta
realidade é bem conhecida do psicólogo Pedro Hubert, especialista em
jogo compulsivo e patológico, que alerta para os riscos desta
dependência. Para o especialista, a grande dúvida é saber se os jogos
on-line causam uma dependência mais rápida do que a oferta das salas de
jogo tradicionais devido às vantagens que a Internet oferece sobre os
casinos, como a acessibilidade, a disponibilidade 24 horas por dia, o
pagamento com cartão de crédito e a confidencialidade.
Apesar
de desconhecer o número de jogadores portugueses que apostam on-line,
lembrou que o país tende a seguir a evolução de outros países como
Inglaterra e Estados Unidos onde as percentagens de jogadores
compulsivos têm «aumentado francamente».
A
nível da sua experiência clínica, o psicólogo disse à Lusa que começa a
ser significativo o número destes jogadores que procuram tratamento,
totalizando já cerca de 15 por cento do total dos seus doentes.
Traçando
o perfil destes jogadores, Pedro Hubert disse que são cada vez mais
jovens, o que pode ser explicado com a sua facilidade em aceder à
Internet. Além disso, muitos dos casos assinalados já tinham jogado em
casinos.
«É uma geração que está muito
habituada aos jogos e ao desafio de estarem ali com a máquina, àquele
alheamento. A procura de euforia nessas máquinas tem uma facilidade com
estes casinos on-line muito mais próximo»
, sustentou.
Quando
os danos provocados pelo jogo começam a ser visíveis aparecem as
dívidas, as mentiras, a agressividade, que destroem as relações
familiares e muitas vezes a carreira profissional, além dos problemas
de depressão ou vergonha.
Para Pedro Hubert, as
consequências da adição on-line são tão destrutivas como o álcool e a
droga, levando os familiares dos jogadores a procurarem a ajuda médica.
Mas as taxas de sucesso da cura não são muito altas, entre os 30 e os
40 por cento, dependendo de vários factores, como a taxa de privação
que a pessoa tem, se frequenta grupos de apoio de ajuda e do
envolvimento familiar.
Bloquear os computadores,
definir um limite de tempo e dinheiro antes de começar a jogar, criar
linhas de ajuda e regras sobre publicidade ao jogo na Internet são
alguns mecanismos que o psicólogo sugere para combater esta
dependência.
Lusa/SOL
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Seg Jan 28, 2008 10:39 am

CONHECO ALGUNS CASOS!!! E TRIZTE!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Justiça europeia confirma proibição espanhola de revelar ide   Ter Jan 29, 2008 9:14 am

Justiça europeia confirma proibição espanhola de revelar identidade de internautas


O Tribunal Europeu de Justiça confirmou uma lei espanhola que proíbe a
divulgação de dados pessoais de internautas suspeitos de violarem os
direitos de autor. A justiça europeia considerou que a proteção da
propriedade intelectual e dos direitos de autor não se sobrepõe à
proteção dos dados pessoais.

A associação espanhola de
produtores e editores de música exigia que a Telefónica revelasse a
identidade de certos clientes que usavam um programa de troca de
ficheiros de música na Internet violando assim os direitos de autor dos
seus membros.

A empresa recusou-se a satisfazer o pedido da
Promusicae alegando que a comunicação de dados pessoais só é autorizada
em casos de investigação criminal ou para garantir a segurança pública
e a defesa nacional.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Cabos submarinos voltam a tirar Internet no Médio Oriente   Qua Fev 06, 2008 1:22 pm

Cabos submarinos voltam a tirar Internet no Médio Oriente
A região do Médio Oriente voltou a sofrer falhas na Internet. Depois do misterioso corte ocorrido na semana passada em dois cabos submarinos do Mediterrâneo, desta vez surgiram dois cabos cortados na costa do Dubai. Mas com o desvio do tráfego para outras linhas, localizadas no Pacifico, os efeitos agora podem ser menos severos

Cabos submarinos voltam a tirar Internet no Médio Oriente
Corte de cabos submarinos que afectaram o Médio Oriente continua inexplicável

A questão passa agora por saber o que levou ao corte dos cabos do Mediterrâneo, situação que levou alguns países, como o Egipto ou a Índia, a ficarem com a Internet bastante afectada.

No caso egípcio, onde esta ocorrência desligou a Internet a cerca de 70 por cento da população, o Governo local afastou uma das primeiras hipóteses a vir a público, o facto de ter sido um navio a largar a âncora no sítio errado.

De acordo com as autoridades egípcias, citadas pelo portal VNUNet, nenhuma embarcação terá passado na área, proibida para navegar, onde se encontra o cabo que levava a Internet ao país, nem antes nem depois do corte.

Por outro lado alguns autores de blogues citados pelo mesmo portal defendem que este corte poderá ser da responsabilidade dos EUA, com o objectivo de afectar o acesso à Internet no Irão.

Tal é o caso de Ian Borckwell, do American Prospect, que considera que «assumindo que os cortes não foram acidentais, temos de nos perguntar quem poderia fazer isto e porquê».

Teorias da conspiração à parte, as operadoras responsáveis pelos cabos mediterrânicos afectados já se encontram debaixo de água a tentar resolver a situação.

A revelação foi feita à BBC por uma das empresas, a Flag Telecom, que adiantou que a resolução do problema irá demorar pelo menos uma semana.

A Flag tem actualmente no terreno uma equipa de cerca de 50 pessoas, que incluem especialistas em navegação e engenheiros de cabos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Xô Esquerda

avatar

Mensagens : 703
Data de inscrição : 15/12/2007

MensagemAssunto: Linha Alerta, na Internet   Dom Fev 10, 2008 9:38 am

1200 denúncias sobre conteúdos ilegais na Net


A Linha Alerta é um espaço para denunciar conteúdos ilegais como a pornografia de menores, apologia ao racismo ou à violência, após estes serem detectados na Internet. Desde a sua reformulação em Julho de 2007, processou uma média de 4800 visitas mensais, recebeu 1226 denúncias, das quais apenas 300 foram encaminhadas para as autoridades.

Este serviço funciona da seguinte maneira: uma equipa técnica analisa as denúncias recebidas e, se detecta conteúdos ilegais, envia a informação para as autoridades investigarem. Em paralelo, pode pedir aos operadores nacionais de serviço de Internet o bloqueio dos sites infractores. Se os servidores estiverem no estrangeiro, a informação é passada às autoridades dos respectivos países.

Das 300 ocorrências registadas (256 de pornografia de menores, 33 de conteúdos xenófobos e 11 violentos), apenas 37 estavam alojados em Portugal.

Já o Seguranet, e ainda segundo os dados disponibilizados para Dezembro último, teve cerca de 4900 visitantes únicos e um pouco mais de 25 mil páginas consultadas online. Tanto o Seguranet como a Linha Aberta existem desde 2004, cinco anos após a Comissão Europeia ter notado a necessidade de os países procurarem alertar sobre os riscos e educar os seus cidadãos para uma utilização segura da Internet. Após o lançamento do programa Safer Internet (IS) em 1999, a Comissão renovou-o em 2005 com o Safer Internet Plus, tendo o consórcio nacional concorrido com o IS. A segunda fase do projecto, com mais serviços para os utilizadores, deve estar concluída até Julho deste ano.

O projecto, idealizado pela Missão Computadores, Redes e Internet (CRIE, do Ministério da Educação), é gerido em consórcio juntando a UMIC - Agência para a Sociedade do Conhecimento, Fundação para a Computação Científica Nacional e a Microsoft.

Na realidade, o projecto congrega três vertentes online, sendo a mais visível o endereço - Internetse- gura.pt -, com conteúdos informa- tivos. Ele co-existe com o Seguranet (com informação focada para alunos, pais, professores e escolas sobre a navegação na Internet e uso das tecnologias em geral). Este ano, algumas entidades externas devem associar-se à Rede Internet Segura, para trocarem informações e apoiarem- -se de forma a desenvolverem acções de formação relacionadas com a navegação segura da Internet.

DN
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Dom Fev 10, 2008 9:43 am

ah ah ah!!! Aghora vem a policia XUXA contra a pornografia!!! Laughing Laughing Laughing
Voltar ao Topo Ir em baixo
Xô Esquerda

avatar

Mensagens : 703
Data de inscrição : 15/12/2007

MensagemAssunto: Documentos polémicos retirados da Internet (California/EUA)   Qua Fev 20, 2008 11:37 am

Documentos polémicos retirados da Internet mantêm-se 'online'


O Wikileaks.org deixou de estar disponível online por decisão de um tribunal da Califórnia. O site que revelava, de forma anónima, documentos comprometedores sobre governos e empresas foi obrigado a calar-se após decisão judicial. No entanto, várias réplicas continuam activas, como sucede em Wikileaks.be.

Os responsáveis do site consideram que a decisão é inconstitucional e que a página foi censurada. Na base da decisão judicial está a divulgação de documentos relativos ao banco suíço Julius Bär, acusado de "lavagem de dinheiro e evasão fiscal" nas ilhas Caimão, segundo documentos alegadamente disponibilizados em público por Rudolf Elmer, antigo vice-presidente do banco naquelas ilhas.

A decisão do tribunal teve efeito nos servidores informáticos da Dynadot, que geria o endereço .org, incluindo a prevenção de o mesmo ser transferido para quaisquer outras entidades. A decisão judicial obrigou também a que o referido endereço Web devolvesse apenas uma página em branco "até outra ordem" em contrário do tribunal.

Criado em 2006, o Wikileaks é replicado por várias formas, como o RSS (distribuição automática dos textos ali disponibilizados) ou em sites que copiam os seus conteúdos, como o Wikileaks.be. Por isso, o encerramento do endereço em .org tem pouca eficácia na Internet. Tanto mais que este tipo de "censura" conduz de imediato vários sites a copiarem os conteúdos precisamente para garantir que não desaparecem da Web. Uma lista disponível em wikileaks.cx/wiki/Wikileaksover_Names mostra como até sites portugueses (olisbon.log.pt, por exemplo) divulgam a informação contida no Wikileaks original.

Este aceitava documentos "classificados, censurados ou de alguma forma material restrito de relevância política, diplomática ou ética", mas não rumores ou textos antes divulgados na comunicação social. Os documentos eram recebidos através de pessoas em certos países por, segundo a BBC, "terem as melhores leis para protecção das fontes dos jornalistas". Era também garantido o anonimato e a impossibilidade de registar a origem da fonte, através de técnicas de cifra e disfarce do endereço electrónico do autor do envio dos documentos.

O interesse primordial do site era a divulgação de documentos sobre "regimes opressivos na Ásia, no antigo bloco soviético, na África subsariana e no Médio Oriente" mas, segundo o próprio, também sobre quaisquer comportamentos pouco ético de governos ou empresas em todo o mundo. Um dos 1,2 milhões de documentos recebidos, divulgados no Wikileaks e mais badalados nos media, foi sobre as condições dos prisioneiros em Guantánamo.

O site foi censurado na China ou Tailândia por notícias sobre estes países. Julie Turner, advogada que já defendeu o Wikileaks, lembra que o banco suíço podia ter respondido no site às alegadas acusações. A advogada acusa ainda a falha na segurança do mecanismo de confidencialidade no banco que permitiu a revelação pública das suas actividades.

dn
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Xô Esquerda

avatar

Mensagens : 703
Data de inscrição : 15/12/2007

MensagemAssunto: Bill Gates desvaloriza tentativas de censurar a Internet   Sex Fev 22, 2008 12:48 am

Em conferência

Bill Gates desvaloriza tentativas de censurar a Internet

Bill Gates defendeu perante uma plateia de estudantes universitários de Stanford, nos EUA, que as tentativas de alguns governos para censurar a Internet vão acabar por não ter sucesso no futuro. «Não se pode controlar a Internet», realçou o ainda presidente da Microsoft



As afirmações do presidente da Microsoft surgiram no final de uma conferência onde discursou sobre o futuro da tecnologia e o seu próprio futuro na área da filantropia, agora que se prepara para abandonar os comandos da empresa que fundou há mais de 30 anos.

Um dos países que tem sido mais criticado por tentar controlar a Rede é a China, cujo Governo tem sido acusado de pressionar algumas multinacionais para o ajudarem nesse sentido.

Um dos casos remonta ao final de 2005 e envolve a Microsoft, quando a multinacional desactivou o blogue de um jornalista chinês por ter falado de uma greve que terá ocorrido em território chinês, recorda o New York Times.

Mesmo assim o responsável acredita que a longo prazo a liberdade de expressão neste tipo de casos acaba por vencer, porque isso acaba por afastar o investimento de empresas no país.

«Se um país quiser ter uma economia desenvolvida…basicamente vai ter de abrir a Internet», defende Bill Gates.


sol
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   Sex Fev 22, 2008 1:04 am

censurar a net; o sonho de todo o bem esquerdista!!! AINDA BEM QUE QUEM CONTROLA E INVENTOU A NET, FORAM OS AMERICANOS!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: I N T E R N E T   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
I N T E R N E T
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Opinião & Liberdade de Expressão-
Ir para: