InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Bomba visava polícias que a iam deflagrar

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Bomba visava polícias que a iam deflagrar   Sab Fev 23, 2008 8:17 am

Bomba visava polícias que a iam deflagrar


O artefacto que hoje explodiu nas imediações de um repetidor de televisão em Bilbau, no País Basco espanhol, visava aparentemente os agentes policiais enviados para o local para o deflagrar, segundo as primeiras investigações.

14:05 | Sábado, 23 de Fev de 2008

O engenho explodiu quando estava a ser manejado por um robot da equipa de explosivos da polícia basca, a Ertzaintza, cerca de duas horas depois da hora anunciada num telefonema anónimo feito em nome da ETA ao inicio da manhã.

No telefonema, feito cerca das 08h40m, informava-se que o engenho ia explodir às 10horas, mas só acabou por explodir duas horas depois quando já estavam no local as equipas da Ertzaintza.

O facto de ter explodido quando estava a ser manipulado pelo robot, leva a Ertzaintza a suspeitar que eram os próprios agentes o alvo da bomba.

Depois de estabelecer um cordão de segurança, os agentes optaram por enviar primeiro o robot, que assim que tocou no engenho o fez explodir, levando as forças de segurança a suspeitar que tinha um dispositivo anti-movimento.

Espanha em alerta máximo

A explosão ocorre dois dias depois do governo ter estabelecido o nível de alerta máxima anti-terrorista, perante o risco admitido pelo ministro do Interior, Alfredo Pérez Rubalcalba, de que a ETA podia voltar a atentar.

"Esperamos que a ETA volte a tentar cometer um atentado", afirmou Rubalcaba, garantindo que o Estado "usará todos os meios para o impedir".

O nível três de alerta e de operacionalidade está previsto no Plano de Prevenção e Protecção Anti-terrorista, visando neste caso garantir a segurança plena dos cidadãos no processo eleitoral que culmina com o voto de 09 de Março.

Implica a mobilização total das Forças e Corpos de Segurança do Estado (FCSE) que contarão ainda com o apoio das Forças Armadas para vigiar grandes infra-estruturas de transporte, zonas estratégicas e o espaço aéreo.

Aumento de segurança para as eleições

Entre as medidas contam-se um aumento da segurança e da protecção nos acontecimentos relacionados com o processo eleitoral, nas sedes dos partidos em pontos de actos eleitorais públicos e nos pontos de votação.

As FCSE vigiarão e protegerão pontos de grande concentração de pessoas bem como os "objectivos estratégicos" imprescindíveis para o normal funcionamento da actividade dos cidadãos.

Incluem as grandes superfícies comerciais, infra-estruturas de transporte, eventos desportivos e edifícios emblemáticos das cidades, onde possa haver grande afluência de público.

Infra-estruturas relacionadas com o sector energético e de telecomunicações estão entre os objectivos estratégicos prioritários a que se somam infra-estruturas de transportes e o espaço aéreo.

Expresso
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Bomba visava polícias que a iam deflagrar
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» PJ Ministro reconhece polícias de elite
» POLÍGONOS REGULARES
» Atitude da polícia nas manifestações
» Polígonos - Determine o valor de x nos casos
» Número de lados do polígono

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Europa e o Mundo-
Ir para: