InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 História de "Sobreviver com Lobos" é falsa

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: História de "Sobreviver com Lobos" é falsa   Sex Fev 29, 2008 1:08 pm

História de "Sobreviver com Lobos" é falsa, reconhece autora


Lisboa, 29 Fev (Lusa) - A história de uma menina judia que procura os pais durante a Segunda Guerra Mundial, que inspirou o livro e o filme "Sobreviver com Lobos", é ficção, reconheceu a autora, a belga Misha Defonseca, depois de sustentar o contrário.

No centro de uma polémica na Bélgica porque a sua história, que a escritora afirmava ser autobiográfica, foi contestada por historiadores, que lhe apontavam incoerências, Misha Defonseca acabou por explicar ao diário belga Le Soir que se tinha "contado, desde sempre, uma outra vida".

"Este livro, esta história, é a minha. Não é a realidade real, mas foi a minha realidade, a minha maneira de sobreviver", disse a escritora, que reconhece chamar-se, de facto, Monique De Wael, segundo declarações publicadas quinta-feira à noite na edição electrónica do jornal belga.

O seu advogado de defesa, Marc Uyttendaele, confirmou a autenticidade de tais declarações.

"Peço perdão a todos aqueles que se sentem defraudados, mas suplico-lhes que se coloquem no lugar de uma menina de quatro anos que perdeu tudo, que tem de sobreviver (...), e que compreendam que nunca quis outra coisa que não exorcizar o seu sofrimento", acrescentou Defonseca, que afirmava ter sido salva por uma alcateia.

De acordo com a investigação de Le Soir, a família de Misha Defonseca/Monique De Wael não era judia, os seus pais, da Resistência, foram detidos e deportados em 1941, quando ela tinha quatro e não oito anos - idade da personagem - e que, quando ela estaria na Polónia, estava afinal na escola em Bruxelas.

"Toda a sua vida é uma mistura de memórias reais e de um universo íntimo que se desviou da realidade. A verdade não era realmente a verdade, isso escapou-lhe totalmente", explicou Marc Uyttendaele, citado pela AFP, sublinhando que a menina, entregue a membros da sua família que ela detestava, tinha acabado por "se identificar com as vítimas absolutas, a comunidade judaica".

ANC.

Lusa/fim
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
História de "Sobreviver com Lobos" é falsa
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Vamos "SEMEADORES DA PALAVRA" !!!
» "Olho por olho" vai permitir a mulher cegar agressor com ácido.
» A Grande Verdade Sobre o Hexagrama "Estrela de Davi"
» Alegria de ouvir "eu te amo"
» Qual é a diferença dos termos "transladada" e "extraida por certidao"?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Artes & Letras-
Ir para: