InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Hong Kong: "Democracia é “exercício complicado"

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
ypsi



Mensagens : 889
Data de inscrição : 15/09/2007

MensagemAssunto: Hong Kong: "Democracia é “exercício complicado"   Qui Out 11, 2007 5:26 am

Hong Kong: Tsang apresenta programa de governo

"Democracia é “exercício complicado"



O líder do governo de Hong Kong disse ontem que a aplicação do sufrágio directo e universal na antiga colónia britânica "é um exercício social complicado" e destacou que a prioridade do executivo é o desenvolvimento económico.

Falando na apresentação do seu programa de governo - o que acontece pela primeira vez desde que foi reeleito líder em Março - Donald Tsang lembrou que terminou ontem a consulta pública de três meses sobre a proposta governamental de implementação da democracia na Região, cujas conclusões garante ir agora estudar antes de fazer qualquer recomendação a Pequim sobre reformas democráticas.

"A população de Hong Kong está bem ciente de que a implementação do sufrágio universal é um exercício social complicado que terá implicações na estabilidade e prosperidade de longo prazo de Hong Kong", disse.

Apesar de não afastar a introdução de reformas democráticas no sistema político local, Donald Tsang disse estar concentrado no desenvolvimento económico e sublinhou que as questões ambientais ou a protecção do património terão de ser prioridades secundárias.

"Sem desenvolvimento económico, as pessoas não poderão ter uma vida estável e todos os sonhos serão conversas vazias", afirmou.

Mesmo assim, o chefe do executivo de Hong Kong anunciou algumas medidas amigas do ambiente como a introdução de uma taxa pela utilização de sacos de plástico e outras de redução das taxas de emissão de enxofre.

Além de anunciar cortes dos impostos para particulares e empresas, Donald Tsang revelou também vários investimentos públicos para reforçar o desenvolvimento económico como a construção da ponte entre Hong Kong, Macau e Zhuhai, novas linhas de metropolitano e de comboio e mais pontes para a cidade que irão criar cerca de 250.000 postos de trabalho.

No seu discurso, o líder do governo de Hong Kong, que serviu também na Administração britânica do território, lembrou ainda a necessidade de olhar para os problemas dos pobres, numa cidade com cerca de sete milhões de habitantes e uma taxa de pobreza de cerca de 20 por cento.

"Vou insistir que o desenvolvimento traga harmonia social com os diferentes estratos da população a beneficiarem do que é positivo", salientou.

Donald Tsang iniciou em Julho um mandato de cinco anos à frente do governo de Hong Kong depois de em 2005 ter substituído a meio do mandato Tung Chee-hwa, o primeiro líder chinês de Hong Kong que alegou motivos de saúde para abandonar o posto quando ainda tinha dois anos de mandato para cumprir.


Hoje Macau (11-10-2007)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Hong Kong: "Democracia é “exercício complicado"   Qui Out 11, 2007 10:58 am

Mais ou menos o tipo dos XUXAS. So eles e que podem falar!!! Os outros pode calar!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Hong Kong: "Democracia é “exercício complicado"
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Hong Kong (1997)
» Exercício Mega complicado
» Tema: "O vazio da atual cultura brasileira."
» As 2300 "tardes e manhãs" de Dn 8 e as 70 "semanas" de Dn 9
» Como enxergar a musica "Ao findar o labor desta vida" com a morte do ser humano?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Europa e o Mundo-
Ir para: