InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Atentado no País Basco suspende campanha eleitoral

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Presidente da Junta
Admin
avatar

Mensagens : 944
Data de inscrição : 17/10/2007

MensagemAssunto: Atentado no País Basco suspende campanha eleitoral   Sex Mar 07, 2008 11:43 am

Atentado no País Basco suspende campanha eleitoral

Isaías Carrasco não morreu pouco depois de ter sido atingido com vários tiros no corpo

O assassinato de um ex-vereador socialista levou o primeiro-ministro espanhol e o líder do Partido Popular a suspenderem a campanha. Ambos garantem que o atentado não abala o regime democrático.

José Luis Zapatero e Mariano Rajoy decidiram suspender a campanha depois de terem sido informados sobre o atentado que vitimou Isaías Carrasco Miguel, atingido pelas costas com três tiros, dois no peito e um no pescoço, quando saía de casa com a mulher e filha em Mondragón, Guipúzcoa, País Basco.

Transportado de urgência para o hospital, o ex-edil socialista não sobreviveu aos ferimentos. O atentado aconteceu por volta das 13h30 (hora local).

"Os terroristas quiseram interferir na manifestação de vontade pacífica dos cidadãos convocados às urnas, mas a democracia espanhola demonstrou que não admite desafios por parte daqueles que se opõem aos seus princípios de base e aos seus valores essenciais", disse o primeiro-ministro Zapatero. "Ela nunca o aceitou e jamais o aceitará".

"Hoje é um dia de luto e todos devemos estar unidos com a família de Isaías Carrasco", afirmou o líder do PP, Mariano Rajoy. "Os culpados deste crime são os terroristas, os assassinos da ETA. E a única opção é a derrota da ETA através da lei e com a vontade inabalável dos 45 milhões de espanhóis".

Apesar de ainda não ter sido reivindicado, o ministro espanhol do Interior, Alfredo Perez Rubalcaba, acusou a organização separatista basca ETA do assassinato.

"Quem cometeu este crime pode ter uma certeza e uma só: acabarão nos tribunais e na prisão", disse Rubalcaba. (ver vídeo relacionado)

A organização separatista basca apelara, recentemente, a um boicote das eleições legislativas como forma de protesto contra a “opressão” do poder central espanhol.

Responsável pelas mortes de 820 pessoas em 40 anos de acções violentas - na defesa da independência do País Basco -, a ETA aplicou nos últimos dias a sua chancela em dois atentados à bomba, sem, no entanto, fazer quaisquer vítimas. A 23 de Fevereiro, uma pequena bomba explodiu perto de uma antena de televisão. Seis dias depois, um segundo engenho explosivo de fraca potência era detonado na sede do Partido Socialista de Derio, causando danos materiais.

Carrasco, de 43 anos, que trabalhava para uma empresa pública, foi candidato pelos socialistas nas eleições municipais de 2007, não tendo sido eleito.

O atentado ocorreu no último dia da campanha para as eleições legislativas de domingo e quando os partidos ultimavam os preparativos para os grandes comícios de encerramento.

RTP
2008-03-07 16:39:46
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Presidente da Junta
Admin
avatar

Mensagens : 944
Data de inscrição : 17/10/2007

MensagemAssunto: Re: Atentado no País Basco suspende campanha eleitoral   Sex Mar 07, 2008 11:48 am

Destino da ETA é desaparecer, diz Zapatero

A ETA foi «vencida pela democracia», «repudiada e isolada» pelos espanhóis e pela sociedade basca e o seu único destino é o desaparecimento, afirmou esta sexta-feira o primeiro-ministro espanhol, José Luís Rodríguez Zapatero.

( 16:58 / 07 de Março 08 )

«Sabíamos que a ETA podia ainda causar dano e dor irreparável aos espanhóis. Hoje acrescentaram mais uma vítima à sua longa lista de ignomínia, uma vítima que como todas as anteriores permanecerá na recordação e reconhecimento de todos», afirmou.

«Mas também sabemos que a ETA está já vencida pela democracia, repudiada e isolada pelo conjunto dos espanhóis e pela sociedade basca. Por isso o seu destino é o desaparecimento e o futuro dos seus membros é a cadeia», sublinhou.

Numa declaração à nação, sem perguntas dos jornalistas, Zapatero manifestou pesar «pelos terríveis momentos» que vive a família do ex-vereador socialista Isaías Carrasco Miguel que, segundo o primeiro-ministro, foi assassinado pela organização separatista basca.

«Este criminoso atentado mostra a extrema crueldade de quem apostou por continuar com a sua execrável actividade contra o mais elementar dos direitos, o direito à vida», afirmou no Palácio do Governo em Madrid.

Além de uma «firme condenação» partilhada por todos os democratas, Zapatero disse que «quem participou neste assassínio acabará detido e posto à disposição da justiça para que cumpra rigorosamente a pena que merecem pela atrocidade que cometeram».

«O governo perseguirá com todos os instrumentos do Estado de direito os terroristas, a quem os apoia e justifica as suas acções e investirá toda a sua determinação e todos os meios para continuar a perseverar em favor das vidas e da liberdade de todos os espanhóis», sustentou.

Para Zapatero, a ETA quis «interferir na pacífica manifestação da vontade dos cidadãos convocados às urnas», assassinando um trabalhador que «dedicou parte da sua vida aos interesses dos seus cidadãos».

«A democracia espanhola demonstrou que não admite desafios de quem ataca princípios básicos e valores essenciais. Não os admitiu no passado, não admite hoje, não admitirá nunca», afirmou.

«Juntos, o governo, os partidos políticos, as organizações sociais e a sociedade civil defenderemos as nossas instituições e as nossas liberdades. Todos juntos acabaremos com este mal que fere a sociedade espanhola há décadas», conclui.

Pouco depois de fazer a sua declaração, Zapatero partiu a bordo de um helicóptero para o País Basco.

tsf online
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Atentado no País Basco suspende campanha eleitoral   Sex Mar 07, 2008 11:53 am

ZAPATERO deu o CU a AL-QUEDA!!! Por isso esta no PODER!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Atentado no País Basco suspende campanha eleitoral   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Atentado no País Basco suspende campanha eleitoral
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» CAMPANHA DE SOLIDARIEDADE
» Ministro da Justiça quer nova campanha de desarmamento (...)
» Uma campanha...
» O horário de propaganda eleitoral é útil?
» Campanha publicitária usa 10 mandamentos para promover ética e cidadania

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Europa e o Mundo-
Ir para: