InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 ZIMBABWE: Eleições

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3
AutorMensagem
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: ZIMBABWE: Eleições   Sex Abr 18, 2008 12:56 pm

Mugabe acusa Reino Unido de querer retomar Zimbábue

Agencia Estado

O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, atacou hoje a oposição e o Reino Unido durante as celebrações da independência de seu país. Mugabe acusou a ex-metrópole de querer o país africano de volta. Mugabe fez a afirmação durante uma cerimônia que reuniu cerca de 30 mil pessoas em um estádio da capital Harare. Foi o primeiro grande discurso proferido por Mugabe desde a eleição presidencial, realizada em 29 de março.

Mugabe acusou a oposição de querer "devolver o país aos brancos, aos britânicos. Isso não acontecerá", afirmou. Mugabe também acusou a Grã-Bretanha de "comprar pessoas para que elas se voltem contra o governo".

O Zimbábue comemorou seu 28.º ano de independência - idade do governo de Mugabe, um ex-líder guerrilheiro que ajudou a libertar o país. O país aguarda o resultado eleitoral, quase três semanas após a votação.

Contagens independentes apontam para a vitória do líder oposicionista Morgan Tsvangirai. Porém sem uma vantagem suficiente para evitar um segundo turno. A economia dominou a campanha, e Mugabe foi acusado pela oposição de ser responsável pela inflação astronômica e pelos 80% de desemprego no país.

O regime de Mugabe, acusado de violar os direitos humanos e de fraudar as eleições de 2002 e 2005, sustenta que não houve um vencedor absoluto no pleito presidencial de 29 de março, o que levaria a disputa para o segundo turno.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ECOADOR

avatar

Mensagens : 205
Data de inscrição : 26/10/2007

MensagemAssunto: Re: ZIMBABWE: Eleições   Sex Abr 18, 2008 1:44 pm

História

Ver artigo principal: História do Zimbabwe

A descoberta de ouro em 1867 despertou a cobiça dos ingleses, que acabaram por ocupar o território, apesar das reivindicações de Portugal, a quem a Grã-Bretanha dirige um ultimato em 1890. A colónia ficou designada, em 1895, Rodésia em homenagem a Cecil Rhodes, que promoveu a sua constituição. A parte sul desenvolveu-se mais do que a norte. As duas Rodésias associaram-se, em 1953, com a Niassalândia para constituírem a Federação da África Central, na qual a Rodésia do Sul era a parte mais importante. Desfeita a Federação em 1963, a Niassalândia tornou-se independente com o nome de Malawi e a Rodésia do Norte com a designação de Zâmbia, mas o Reino Unido negou-se a conceder a autonomia à Rodésia do Sul por ser governada pela minoria branca: esta decretou unilateralmente a independência em 1965 e adoptou o regime republicano em 1970. O bloqueio económico decretado pela ONU e a guerrilha, que ganhou extraordinário impulso após a independência de Moçambique em 1975, fizeram com que o país ascendesse à independência em 1980, tomando então o nome de Zimbabwe. Em 1980, Robert Mugabe, o líder nacionalista negro, é eleito. Em 1987 é estabelecido um regime presidencial, sendo Mugabe eleito chefe de Estado. Em 1990 são retiradas progressivamente as tropas instaladas em Moçambique.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
trocatretas

avatar

Mensagens : 308
Data de inscrição : 14/11/2007
Idade : 61

MensagemAssunto: Re: ZIMBABWE: Eleições   Sex Abr 18, 2008 2:29 pm

Os ingleses sempre foram malta porreira e desinteressada onde estiveram.


Só recentemente tiveram o azar de serem apanhados na mentira do século que deu origem à invasão do Iraque. Mas isso são inocentes descuidos. Sem direitos. Não explicam a politica bostante de quem mais ordena na UE UE.

Mas o Brown, com a sua chantagem sobre a UE para impedir a vinda de Mugabe à cimeira não é entendida na sua dimensão. Leva com os direitos em cima. E os bem-pensantes da nossa praça... gostam mais deles... direitos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ECOADOR

avatar

Mensagens : 205
Data de inscrição : 26/10/2007

MensagemAssunto: Re: ZIMBABWE: Eleições   Sex Abr 18, 2008 3:31 pm

não sendo perito na matéria penso que a inglaterra sente por Portugal um desejo
Que os lusitanos nunca UNAN ESFORÇOS para se juntarem ás Espanhas
A ultima vez que isso aconteceu levaram em cima com a armada invencível
No fundo Portugal desbravou muito caminho para inglês pisar
Dentro da Europa os ingleses passavam bem sem ela mas isso seria perigoso
No fundo eles são os espiões ao serviço americano
Depois havia dentro da Europa o eixo França Alemanha e Rússia
A França sempre á la rasca com a Alemanha chorava baba e ranho para que a Inglaterra acudisse á fogueira
Ela a França ainda tentou um acordo com a Rússia mas foi mal de pouca dura
assim e para resumir a Europa tenta puxar os bigodes á América e a América sem a experiência europeia só faz cagadas monstras
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: ZIMBABWE: Eleições   Sab Abr 19, 2008 7:06 am

Contagem de votos atrasada em várias das 23 circunscrições eleitorais
19 de Abril de 2008, 13:15

Harare, 19 Abr (Lusa) - A nova contagem parcial dos votos expressos nas eleições gerais do Zimbabué, a 29 de Março, foi hoje atrasada em várias das 23 circunscrições eleitorais, refere hoje o serviço de notícias sul-africano on-line 'News24'.

A recontagem de votos deveria ter começado às 06:00 locais (05:00 em Lisboa) mas ainda não tinha arrancado uma hora depois, em três circunscrições, adianta o 'News24'.

Jornalistas que se encontram no local, nas circunscrições de Goromonzi Ocidental e Zvimba do Norte afirmaram que o processo de recontagem foi atrasado, enquanto um responsável disse à Agência de notícias France Presse (AFP) que a contagem em Gokwe-Kabuyuni ainda não começou.

Do lado oficial não há explicação para o atraso. Fonte da Comissão Eleitoral afirmou desconhecer o que está a acontecer no terreno, não podendo por isso comentar.

Esta recontagem está prevista para 23 das 210 circunscrições do país onde há três semanas os zimbabueanos votaram para eleger um presidente, deputados, senadores e conselheiros municipais.

A União Nacional Africana do Zimbabué - Frente Patriótica (ZANU-FP), partido do presidente Robert Mugabe, no poder há 28 anos, foi oficialmente derrotada nas legislativas.

A ZANU-FP, perdeu em 21 das 23 circunscrições onde os votos deverão ser hoje recontados. Mugabe espera que a nova contagem lhe volte a dar o controlo do Parlamento, de 210 assentos.

Segundo números anunciados pela Comissão Eleitoral a ZANU-PF obteve 97 lugares, contra 109 para o Movimento para a Mudança Democrática (MDC), principal partido da oposição liderado por Morgan Tsvangirai.

Os resultados da eleição presidencial, opondo nomeadamente Mugabe, em disputa por um sexto mandato, ao líder do MDC, Morgan Tsvangirai, continuam por publicar.

MV.

Lusa/Fim
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: ZIMBABWE: Eleições   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
ZIMBABWE: Eleições
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 3 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3
 Tópicos similares
-
» Combinatória - (eleição escolar)
» Eleições! Só para lembrar PT...
» A Re-eleição de OBAMA já estava certa para acontecer?
» Como você entende a doutrina da eleição?
» COMO O CRISTÃO DEVE SE COMPORTAR APOS AS ELEIÇÕES ?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Europa e o Mundo-
Ir para: