InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 A inflação em Portugal

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: A inflação em Portugal   Qua Abr 16, 2008 4:31 am

Zona Euro: Portugal teve 2ª inflação mais baixa em Março


A taxa de inflação homóloga disparou para 3,6% na Zona Euro em Março, com Portugal a exibir o segundo valor mais baixo entre os países da região monetária, revelam dados do Eurostat esta quarta-feira.
A variação homóloga na zona euro subiu três décimas face ao valor de Fevereiro, para um máximo de 16 anos. O nível da inflação na região monetária compara com 1,9% em igual mês de 2007 e reflecte um ganho mensal de 1% no índice harmonizado de preços no consumidor (IHPC).
No conjunto da União Europeia, a taxa de variação homóloga atingiu 3,8%, progredindo os mesmos 0,3 face a Fevereiro. Na média dos últimos 12 meses, o indicador da inflação calculada para Março situa-se nos 2,5% (2,7% na UE).
Entre os Estados.-membros da UE, a inflação homóloga mais baixa pertenceu à Holanda (1,9%), seguindo-se o Reino Unido (2,5%) e Portugal. Os valores mais elevados foram encontrados na Letónia (16,6%) e Bulgária (13,2%). A inflação homóloga subiu em 18 dos 27 países da região. Países como a Alemanha, França e Espanha estão agora com a inflação acima de 3% (4,6% no caso da Espanha).

Diário Digital


Porque será que determinadas notícias têm tão pouca divulgação nos media?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: A inflação em Portugal   Qua Abr 16, 2008 5:40 am

Cogito, ergo sun escreveu:
Zona Euro: Portugal teve 2ª inflação mais baixa em Março


A taxa de inflação homóloga disparou para 3,6% na Zona Euro em Março, com Portugal a exibir o segundo valor mais baixo entre os países da região monetária, revelam dados do Eurostat esta quarta-feira.
A variação homóloga na zona euro subiu três décimas face ao valor de Fevereiro, para um máximo de 16 anos. O nível da inflação na região monetária compara com 1,9% em igual mês de 2007 e reflecte um ganho mensal de 1% no índice harmonizado de preços no consumidor (IHPC).
No conjunto da União Europeia, a taxa de variação homóloga atingiu 3,8%, progredindo os mesmos 0,3 face a Fevereiro. Na média dos últimos 12 meses, o indicador da inflação calculada para Março situa-se nos 2,5% (2,7% na UE).
Entre os Estados.-membros da UE, a inflação homóloga mais baixa pertenceu à Holanda (1,9%), seguindo-se o Reino Unido (2,5%) e Portugal. Os valores mais elevados foram encontrados na Letónia (16,6%) e Bulgária (13,2%). A inflação homóloga subiu em 18 dos 27 países da região. Países como a Alemanha, França e Espanha estão agora com a inflação acima de 3% (4,6% no caso da Espanha).

Diário Digital


Porque será que determinadas notícias têm tão pouca divulgação nos media?


Acho na minha opinião que os media andam atras de alguem que morda num cão
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
trocatretas

avatar

Mensagens : 308
Data de inscrição : 14/11/2007
Idade : 61

MensagemAssunto: Re: A inflação em Portugal   Qui Abr 17, 2008 3:07 am

Estranhas maneiras de interpretar a situação. Mais divulgação da noticia?. Ou falta de debate sobre a no´ticia.?

Claro que uma interpretação PROZAC sem análise à situação relativa a cada País, Portugal não estaria mal, dos 3,1 que dão, aos 3.6 de média, seria uma optima performance.

Todavia, os 3,1 tem maior impacto em Portugal (mais 1 que o ultimo aumento cifrado em 2,1%), no poder de compra das populações, que a média tem nos outros países. Tudo isto, por cá e na UE, é engenharia contabilistica. Aí está, o BP e seus Zigue-zagues previsionais, à maneira da UE, para PROZACarem a situação que cada dia é mais grave mas mais levianamente encarada.

O endividamento das famílias através do crédito ao consumo, agora o crédito à habitação, o aumento incontornavel das matérias-primas (dos cereais aos combustíveis), a falta de investimento e criação de empresas e emprego, os aumentos salariais de 2,1, a caça, selectiva, aos impostos, o papel do BCE nas economias dos países, as verbas e gastos da militarização europeia, o custo da máquina da UE e quem manda nela, isso é que tem falta de ser noticiado com verdade e de forma compreensivel para os cidadãos.
E já agora, onde está a UE dos cidadãos? Cidadãos que os mandantes etiquetam de incapazes intelectuais.

Estes Suprasumos modernaços da propaganda intoxicante. São o del´rio. Metem nojo. E metem na sacola. E noutros locais mais escondidos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: A inflação em Portugal   Qui Abr 17, 2008 8:48 am

Vitor mango escreveu:


Acho na minha opinião que os media andam atras de alguem que morda num cão

O mano. E esta??? Estou para ver como Belmiro fará para a desvalorizar no Público. Belmiro e não só. Aqui no forum há já quem puxe os cabelos. Entõa não é que os gajos.... blablabla. É o 3º ano que os oiço.


(...)A síntese económica de conjuntura, divulgada hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), aponta nesse sentido, para a melhoria do ambiente económico das empresas em Março com base em informação do mês anterior (Fevereiro). Nesse mês, o indicador de actividade económica saltou uma décima, de 2,3 para 2,4 pontos, e o índice de volume de negócios avançou significativamente, de 5,2 pontos em Janeiro, para 6,6 pontos em Fevereiro.

O indicador de consumo de bens duradouros aumentou 1,8 pontos entre Janeiro e Fevereiro, subindo para 7,9 pontos, apesar da contínua degradação da carteira de encomendas externa (indicador caiu para menos 10,3 pontos em Março, contra menos 9,7 pontos em Fevereiro). Menos acentuada foi a progressão do indicador de consumo privado (aumentou duas décimas, para 2,5 por cento em Fevereiro), traduzindo um sentimento mais satisfatório no ambiente de negócios das empresas.

A produção da indústria transformadora acompanhou essa tendência, com o indicador qualitativo a avançar para 2,1 pontos, depois de valer 1,4 pontos no mês precedente. Pode não ser alheio o facto de as exportações terem aumentado 8,6 por cento em Fevereiro (homólogos), após um ganho de 4,9 por cento em Janeiro - as importações progrediram de forma ainda mais acentuada, subindo 13,7 por cento em Fevereiro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
trocatretas

avatar

Mensagens : 308
Data de inscrição : 14/11/2007
Idade : 61

MensagemAssunto: Re: A inflação em Portugal   Qui Abr 17, 2008 12:34 pm

Cogito, ergo sun escreveu:
Vitor mango escreveu:


Acho na minha opinião que os media andam atras de alguem que morda num cão

O mano. E esta??? Estou para ver como Belmiro fará para a desvalorizar no Público. Belmiro e não só. Aqui no forum há já quem puxe os cabelos. Entõa não é que os gajos.... blablabla. É o 3º ano que os oiço.


(...)A síntese económica de conjuntura, divulgada hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), aponta nesse sentido, para a melhoria do ambiente económico das empresas em Março com base em informação do mês anterior (Fevereiro). Nesse mês, o indicador de actividade económica saltou uma décima, de 2,3 para 2,4 pontos, e o índice de volume de negócios avançou significativamente, de 5,2 pontos em Janeiro, para 6,6 pontos em Fevereiro.

O indicador de consumo de bens duradouros aumentou 1,8 pontos entre Janeiro e Fevereiro, subindo para 7,9 pontos, apesar da contínua degradação da carteira de encomendas externa (indicador caiu para menos 10,3 pontos em Março, contra menos 9,7 pontos em Fevereiro). Menos acentuada foi a progressão do indicador de consumo privado (aumentou duas décimas, para 2,5 por cento em Fevereiro), traduzindo um sentimento mais satisfatório no ambiente de negócios das empresas.

A produção da indústria transformadora acompanhou essa tendência, com o indicador qualitativo a avançar para 2,1 pontos, depois de valer 1,4 pontos no mês precedente. Pode não ser alheio o facto de as exportações terem aumentado 8,6 por cento em Fevereiro (homólogos), após um ganho de 4,9 por cento em Janeiro - as importações progrediram de forma ainda mais acentuada, subindo 13,7 por cento em Fevereiro


O que é que este texto tem a ver com a inflação?

só pode servir para fugir ao tema.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: A inflação em Portugal   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A inflação em Portugal
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Globo quer combater crescimento da Record/IURD em Portugal
» (UF-ES) Inflação
» Inflação
» Não há Invega 1.5 mg em Portugal
» Lista de medicamentos para ansiedade a venda em Portugal

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Economia-
Ir para: