InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Projecto de lei do trabalho

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Projecto de lei do trabalho   Qua Abr 23, 2008 4:56 am

Ainda ando a descascar a nova proposta de contratação laboral. Darei a minha opinião parcialmente. Os dois post's seguintes, do "5 dias" estão na mesma linha do meu pensamento. Verificar a hipocrisia do CDS. Passa a vida a defender a família e quando aparecem propostas concretas é o que se vê...



Post-it de “bemdizer”

23 Abril 2008 | por Maria João Pires

Ainda a propósito das alterações às licenças de maternidade, gostei de ver passos na direcção que me parece a mais correcta. Desde há muito que defendo que mais importante que o aumento do tempo concedido às mulheres aquando do nascimento de um filho é a alteração profunda da “filosofia” da licença de maternidade, que devia poder ser partilhada/alternada (salvaguardado o período de recuperação física da mulher) entre os dois progenitores.

ShareThis

O partido da família e da natalidade


23 Abril 2008 | por João Galamba

Muito curiosa, no mínimo, a primeira reacção de Pedro Motas Soares ao anúncio de aumentos das licenças parentais. Segundo o deputado do CDS/PP, o alargamento das licenças pode “assustar os empregadores” e “reduzir os incentivos a contratar jovens”. Já não sei onde li isto, mas um político sueco disse que enquanto nos EUA os conservadores se dedicam a diabolizar os gays e os ataques à “família tradicional”, na Suécia optaram por medidas efectivas de promoção da natalidade, sem alimentar inimigos fictícios.

ShareThis


Publicado em cinco dias
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qua Abr 23, 2008 4:01 pm

19:46



Mais de 24 horas depois, as páginas de abertura dos sítios do BE e do PCP na net continuam sem reacção à proposta de reforma das relações laborais apresentada pelo Governo ontem às 16:30.



Inserido por Rui Pena Pires



o canhoto
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 4:15 am

CÓDIGO DE TRABALHO. O Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social apresentou o seu documento de trabalho para a reforma das relações laborais, a «mãe» de todas as reformas do MTSS. Uma primeira leitura do documento parece indicar um efectivo equilíbrio entre a flexibilização de algumas disposições do código laboral, nomeadamente nas contratações, despedimentos e adaptabilidade de tarefas, ao mesmo tempo que promove a estabilidade no emprego e estimula fiscalmente a contratação sem termo. Não é um modelo de «flexisegurança», mas permite intervir no complexo mercado de trabalho português adequando as sensibilidades de sindicatos e associações patronais, que não são sinónimo de trabalhadores e empresas.

Esperemos que à mesa das negociações todos consigam olhar para esta proposta de reforma sem as habituais pré-disposições que, uma e outra vez, fazem com que à irredutibilidade das posições corresponda uma longa -- e confortável -- alienação dos problemas do emprego em Portugal. Perspectivo longas disputas negociais para Vieira da Silva e Fernando Medina, a quem desejo o maior sucesso no trabalho que aí vem. Mais do que uma vitória para o governo, um compromisso entre as partes significaria um progresso na qualidade da nossa democracia. Wishful thinking, concedo.



# por Tiago Barbosa Ribeiro



Blog kontratempos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Presidente da Junta
Admin
avatar

Mensagens : 944
Data de inscrição : 17/10/2007

MensagemAssunto: A Esquerda Laboral   Qui Abr 24, 2008 9:45 am

Exclamation Exclamation Exclamation


O novo Código do Trabalho é um código de Esquerda. Disse-o o ministro Vieira da Silva e proclamou-o, o arauto Vital Moreira.

Na lugar de expressão da sua causa, escreveu, para vincar este simbolismo politicamente correcto e comprometido ao leit-motiv ideológico:


"As propostas de revisão do Código do Trabalho visam claramente dois objectivos: por um lado, aumentar a capacidade de adaptação das empresas às mudanças temporais do ciclo produtivo (flexibilidade do tempo de de trabalho); por outro lado, apostar na estabilidade do emprego, combatendo eficazmente a precariedade, nomeadamente os contratos a prazo e os "recibos verdes".
Não é impossível favorecer simultaneamente as empresas e os trabalhadores..

[Publicado por Vital Moreira] [22.4.08] "


Desgraçadamente, muitos começam a duvidar seriamente dos propósitos desta esquerda de folclore, para eleitorado ver e eleições ganhar, e apontam efeitos perversos e inequívocos, contrários aos proclamados.

"Mais opções para despedir";"Aumento da precaridade do emprego"; "Maior possibilidade de despedimento de empregados mais velhos e mais caros", são títulos dos jornais de hoje que citam especialistas em direito laboral.

Ontem, na televisão, Bagão Félix, um dos vituperados autores do código de trabalho, em tempos crucificado por apresentar propostas de Direita, disse que a medida que permite o despedimento de trabalhadores por inadaptação ao posto de trabalho é inadmissível.

Bagão é de Direita. Vital e Vieira são de Esquerda. Não são?!

Grande Loja do Queijo Limiano
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Presidente da Junta
Admin
avatar

Mensagens : 944
Data de inscrição : 17/10/2007

MensagemAssunto: Arcebispo Braga defende diálogo para que lei não seja imposta aos trabalhadores   Qui Abr 24, 2008 10:16 am

Exclamation



Braga, 24 Abr (Lusa) - O Arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, considera que "as mudanças no Código de Trabalho devem ser feitas num ambiente de diálogo, entre sindicatos, patronato e governo", de forma a que sejam aceites pela sociedade portuguesa.

Em declarações à agência Lusa, o prelado, que preside também à Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), frisou que, embora não sendo especialista na matéria, "as leis não devem ser impostas, devem sim ser produto de concertação, diálogo, e, se possível, consenso entre os interessados".

"Não li o ante-projecto de novo Código, mas apesar disso desejo que não seja um Código imposto e sim uma lei que defenda os interesses dos trabalhadores, conciliando-os com as necessidades das empresas e da economia portuguesa", afirmou.

O presidente da CEP acentuou que seria o ideal se "as leis laborais fossem sempre devidamente dialogadas nas bases e entre todos", assinalando que, se assim não for, "poderão, depois, não corresponder totalmente às necessidades de um lado e de outro, trabalhadores e empresários".

Entre as propostas apresentadas esta semana pelo Governo aos parceiros sociais está a possibilidade de fixação de um número anual de horas de trabalho a aplicar em conjunto com os limites de variação diária e semanal do tempo de trabalho e da garantia de repouso com eles compatíveis (banco de horas).

A existência de horários que concentrem a prestação diária do tempo de trabalho em determinados dias da semana e aumentam o número de dias de repouso semanal (horários concentrados) é outra das propostas feitas pelo executivo.

A proposta prevê ainda a existência de horários de trabalho com modulação da duração diária e semanal do tempo de trabalho por períodos inferiores a um ano e a criação da adaptabilidade grupal dentro das empresas.

O Governo propõe que sejam suprimidas da actual legislação laboral as normas sobre os efeitos da redução dos limites máximos dos períodos normais de trabalho e do critério quantitativo de delimitação do trabalho a tempo parcial.

Lusa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 11:11 am

Presidente da Junta escreveu:
Exclamation Exclamation Exclamation



"Mais opções para despedir";"Aumento da precaridade do emprego"; "Maior possibilidade de despedimento de empregados mais velhos e mais caros", são títulos dos jornais de hoje que citam especialistas em direito laboral.

Eu há uma pergunta que faço e que nunca ninguém me responde. Vieira da Silva ao propor o que pretende tem como finalidade o quê?' Chatear a CGTP?? Chatear o PCP??? Chatear os trabalhadores em Geral??
Em termos eleitorais o mais simples era proibir os contratos a termo. Proibir recibos verdes. Proibir toda a precaridade. Era fácil. Uma assinatura do conselho de ministros e outra (talvez mais difícil do palhaço do Cavaco). E depoi?? Com a franqueza que lhe reconheço tem alguma dúvida que de imediato as deslocalizações disparavam e o desemprego passaria de 7% para 90%?? Repetindo-me, tenho feito essa pergunta inúmeras vezes. Tirando talvez o Senhor Ronaldo, que tem as empregadas todas com contracto colectivo defenitivo e me responde atacando-me, todos se calam...


Última edição por Cogito, ergo sun em Qui Abr 24, 2008 11:34 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 11:14 am

O desenvolvimento DE UM PAIS, o crescimento Economico nao se faz com decretos!!! Portugal TEM QUE COMPETIR E A iniciativa privada, NAO PODE SER UMA AGENCIA GOVERNAMENTAL!!! Matar a competicao , nao faz crescer a economia!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 11:35 am

RONALDO ALMEIDA escreveu:
O desenvolvimento DE UM PAIS, o crescimento Economico nao se faz com decretos!!! Portugal TEM QUE COMPETIR E A iniciativa privada, NAO PODE SER UMA AGENCIA GOVERNAMENTAL!!! Matar a competicao , nao faz crescer a economia!!!!

O que tem a ver o cú com as calças, ou seja, o que aqui escreveu o que tem a ver com a nova legislação laboral???
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Presidente da Junta
Admin
avatar

Mensagens : 944
Data de inscrição : 17/10/2007

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 11:44 am

o problema Cogito é se, a filosofia de Vieira, é a de "facilitação "do despedimento entendida, como factor de competitividade para as empresas.

Porque é isso que o patronato defende.

A "tal" flexibilidade.

Despedir um trabalhador por inadaptação torna mais fácil o despedimento, não acha ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 11:51 am

Presidente da Junta escreveu:
o problema Cogito é se, a filosofia de Vieira, é a de "facilitação "do despedimento entendida, como factor de competitividade para as empresas.

Porque é isso que o patronato defende.

A "tal" flexibilidade.

Despedir um trabalhador por inadaptação torna mais fácil o despedimento, não acha ?

E impedir o despedimento cria emprego?? Eu sei que o equilíbrio é difícil, mas a regidez na manutenção da legislação do meu tempo não é de certeza o melhor caminho. E é isso que vejo ser defendido pelos chamados representantes dos trabalhadores.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 11:57 am

Liberdade par contratar e para despedir!!! Esta a maneira que se resolve o problema!!!! Assim se incentiva o Investimento. Assim se pode competir!!!! O emprego nao e do trabalhador , mas sim do Empregador.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 12:04 pm

RONALDO ALMEIDA escreveu:
O emprego nao e do trabalhador , mas sim do Empregador.


Creio que na sua pretende dizer que a escravatura encaixa bem na sua filosofia de trabalho. O trabalhador amocha como, quando e da maneira que o patrão lhe aprazer. Quando o dito cujo lhe quiser ir ao cú deve aceitar ou ir-se embora. Mais letra menos letra é isso, não é Senhor Ronaldo??
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 12:05 pm

Cogito, ergo sun escreveu:
RONALDO ALMEIDA escreveu:
O emprego nao e do trabalhador , mas sim do Empregador.


Creio que na sua pretende dizer que a escravatura encaixa bem na sua filosofia de trabalho. O trabalhador amocha como, quando e da maneira que o patrão lhe aprazer. Quando o dito cujo lhe quiser ir ao cú deve aceitar ou ir-se embora. Mais letra menos letra é isso, não é Senhor Ronaldo??

ATENCAO SR. ADMINISTRADOR!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 12:07 pm

RONALDO ALMEIDA escreveu:
Cogito, ergo sun escreveu:
RONALDO ALMEIDA escreveu:
O emprego nao e do trabalhador , mas sim do Empregador.


Creio que na sua pretende dizer que a escravatura encaixa bem na sua filosofia de trabalho. O trabalhador amocha como, quando e da maneira que o patrão lhe aprazer. Quando o dito cujo lhe quiser ir ao cú deve aceitar ou ir-se embora. Mais letra menos letra é isso, não é Senhor Ronaldo??

ATENCAO SR. ADMINISTRADOR!!!

Não sei porque se escandaliza. Não faz parte do seu léxico de vocabulário profissional???
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 1:34 pm

A vida esta boa para o SG da CGTP!!! 17 000 euros /mes!!! E para os que vivem do ESTADO!!!

O homem já foi aumentado? O mês passado só ganhava 16.000 euros/mês. Não se teria enganado??? Ou terá arranjado umas "camaradas" a dar-lhe 70$ por cada acto de amor revolucionário????

SEMPRE DISSE 17 000 QUE FOI O QUE LI NA imprensa, FAZ UNS 2 ANOS, PELO QUE DEVE ESTAR a ganhar muito mais do que isso!!! O SR. podia provar-me que e mentira. AFINAL quanto ganha ele? PROVE se estou a mentir. Use as suas amizades, no B.E. e PCP!!!


Última edição por RONALDO ALMEIDA em Sex Abr 25, 2008 12:20 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 1:36 pm

Podiam responder, porque nao se cria 1 emprego em PORTUGAL???????
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Qui Abr 24, 2008 3:25 pm

RONALDO ALMEIDA escreveu:
Podiam responder, porque nao se cria 1 emprego em PORTUGAL???????

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Sab Abr 26, 2008 5:18 am

AVESTRUZ. Entre outras disposições amplamente favoráveis aos trabalhadores, a reforma laboral proposta pelo PS ataca a problemática dos (falsos) recibos verdes e prevê uma taxa contributiva única para trabalhadores independentes, que se reduz 7,4 pontos percentuais, ao mesmo tempo que alarga o seu direito à protecção social. Pois o PCP considera a reforma, esta ou qualquer outra publicada ou por publicar, «um passo adiante no violento e inaceitável ataque aos direitos dos trabalhadores». Até o sino do dr. Pavlov revelava mais imaginação.

http://kontratempos.blogspot.com/
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Sab Abr 26, 2008 8:45 am

Muitas teorias, mas a pergunta, ninguem responde; Porque nao se cria 1 emprego em Portugal?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Sab Abr 26, 2008 8:59 am

RONALDO ALMEIDA escreveu:
Muitas teorias, mas a pergunta, ninguem responde; Porque nao se cria 1 emprego em Portugal?

Meu caro lembro-lhe que na vizinha EspANHA o desemprego no inicio de ... estava perto dos 20 % desempregados
De repente ( ou pouco a pouco ...zaz a Espanha galopa

O drama é que todos os govfernos andaram a masturbarrem-se em praça publica nunca assumindo que eraM NECESSARIAS REFORMAS
LEMBRO-ME E TENHO NA MOINA A FABRICA DE MAQUINAS DE ESCREVER
mESSA
lOGO A SEGUIR AO 25 DE aBRIL

400 EMPOREGADOS A CRAVAR SUBSIDSIOS ...BANJDEIRAS E MOVIMENTOS NA RUA FAZI8AM DEMAGOGIAS
rESULTADO
TEMPO PERDIDO E DINHEIRO DEITADO Á RUA
o DRAMA É ESSE MEU CARO AMIGO

o NOSSO MAL É A TOTAL FALTA DE INVESTIMENTOS EM EDUCAÇÃO NOVAS TECNOLOGIAS

MAS NAO ME METO POR AÍ
É AREA DA POLITRICA SOCIAL


O ZE DAS sOCAS TENTA O QUE PODE SOCIALMENTE
MAS NAO É FACIL
A COMEÇAR PELA MAQUINA DO ESTADO PESADA CHATA gORDA E INEFICAZ
MAS PELA PRIMEIRA VEZ VEMOS UM pm A MEXEDR EM LOBBYS E A PEGAR O BICHO PELOS CORNOS
SE O CONSEGUIR NAO VAI CRIAR UM EMPREGO MAS FALTA DE GENTE PARA TANTA EMPRESA
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Sab Abr 26, 2008 9:24 am

RONALDO ALMEIDA escreveu:
Muitas teorias, mas a pergunta, ninguem responde; Porque nao se cria 1 emprego em Portugal?

Dados para tal afirmação Question
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Sab Abr 26, 2008 9:27 am

ricardonunes escreveu:
RONALDO ALMEIDA escreveu:
Muitas teorias, mas a pergunta, ninguem responde; Porque nao se cria 1 emprego em Portugal?

Dados para tal afirmação Question

Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Sab Abr 26, 2008 9:30 am

RONALDO ALMEIDA escreveu:
ricardonunes escreveu:
RONALDO ALMEIDA escreveu:
Muitas teorias, mas a pergunta, ninguem responde; Porque nao se cria 1 emprego em Portugal?

Dados para tal afirmação Question

Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep

Realmente essa é a resposta mais fácil Idea

Típico de quem não tem nada a dizer, e a fazer Exclamation
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Sab Abr 26, 2008 9:32 am

ricardonunes escreveu:
RONALDO ALMEIDA escreveu:
ricardonunes escreveu:
RONALDO ALMEIDA escreveu:
Muitas teorias, mas a pergunta, ninguem responde; Porque nao se cria 1 emprego em Portugal?

Dados para tal afirmação Question

Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep Sleep

Realmente essa é a resposta mais fácil Idea

Típico de quem não tem nada a dizer, e a fazer Exclamation

prove que criaram um emprego!!!!!!! jA QUE E TAO ESPERTO!!! E se criaram, PORQUE O desemprego CONTINUA A SUBIR?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   Sab Abr 26, 2008 9:45 am

O meu caso pessoal, fico sem emprego em 30 de Abril, mas já tenho em vista um contracto para assinar em 15 de Maio, um emprego criado!!!!!!!!!!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Projecto de lei do trabalho   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Projecto de lei do trabalho
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Brasileiro usa 51 min do trabalho na net
» 1º de Maio é o dia de qual "trabalho"?
» o dia da semana correspondente ao último dia do término de todo o trabalho é
» PUC - Trabalho
» Tema: A regulamentação do trabalho doméstico

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Portugal-
Ir para: