InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Arroz em risco de ser racionado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Arroz em risco de ser racionado   Sex Abr 25, 2008 9:17 am

Arroz em risco de ser racionado


CÁTIA ALMEIDA
O receio da escassez de arroz começou a ter efeitos mais temidos. É que além da escalada do preço há já restrições nas vendas ao consumidor. A cadeia americana Sam's Club, do gigante Wal-Mart, e as lojas inglesas Tilda, estão a racionar as vendas, limitando a quantidade de arroz que cada cliente pode comprar.

Em Portugal, a situação já é preocupante porque há menos arroz disponível no mercado, mas ainda não há racionamento. Contudo, isso poderá ocorrer se a Tailândia restringir as exportações, afirmou ao DN Pedro Monteiro, secretário-geral da Associação Nacional dos Industriais de Arroz (ANIA).

De acordo com o Banco Mundial, a Tailândia, que é o maior exportador de arroz do mundo, poderá restringir as vendas, tal como já aconteceu com outros países. O Vietname e a Índia, respectivamente segundo e terceiro produtores mundiais, foram mais radicais e baniram as exportações. Quanto aos Estados Unidos, quarto no ranking, não é a melhor opção para a União Europeia, por ter introduzido no mercado no ano passado arroz geneticamente modificado, o que acabou por ser proibido na Europa, sustentou Pedro Monteiro.

Por esta razão, e por ter havido uma má colheita na Guiana e no Suriname, "a Tailândia é o refúgio para Portugal". Ainda por cima depois de o Brasil ter suspendido as exportações para proteger o mercado interno. O ministro da agricultura, Reinhold Stephanes, revelou esta decisão na quarta-feira, dizendo que a suspensão das vendas começou na semana passada.

Portugal produz arroz tipo carolino para o mercado interno, mas tem de importar todo o arroz agulha que é consumido (80 mil toneladas por ano). O racionamento nas vendas nos Estados Unidos e em Inglaterra está a afectar sobretudo o mercado grossista, embora Pedro Monteiro considere que este é um sinal de alerta muito importante.

O Japão, maior importador de arroz do mundo, vai pedir à Organização Mundial de Comércio que impeça os cortes nas exportações.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Arroz em risco de ser racionado   Sex Abr 25, 2008 12:48 pm

PORTUGAL so tem problema se racionarem a batata!!!!
Laughing Laughing Laughing Laughing

Nos USA, arroz e com BRASILEIROS , HISPANOS E PRETOS!!! O Americano medio, pouco arroz, ou quase nada ,come!! E CHINAS!! Laughing Laughing Laughing Laughing

Neste momento , cozinho arroz de pato!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cogito, ergo sun



Mensagens : 761
Data de inscrição : 09/04/2008
Idade : 97

MensagemAssunto: Re: Arroz em risco de ser racionado   Sex Abr 25, 2008 4:41 pm

RONALDO ALMEIDA escreveu:
PORTUGAL so tem problema se racionarem a batata!!!!
Laughing Laughing Laughing Laughing

Nos USA, arroz e com BRASILEIROS , HISPANOS E PRETOS!!! O Americano medio, pouco arroz, ou quase nada ,come!! E CHINAS!! Laughing Laughing Laughing Laughing

Neste momento , cozinho arroz de pato!!

A propósito de pretos, deixem-me descrever um diálogo entre o Senhor Ronaldo (branco como leite, que nojo) e um negro militante da negretitude. Perguntava o dito senhor:

-Sabe porque os negros são todos negros menos nas palmas das mãos e dos pés?? Porque quando deus os fez estavam com as mãoes e os pés no chão (alusão a que eram primatas).

-Resposta do Negro. E sabe, Senhor Ronaldo, porque os brancos como leite são todos brancos menos no olho do cú? Porque os negros estavam pintados de fresco.

Cuidado Senhor Ronaldo. Tenha respeito pelos negros principalmente se pintados de fresco....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Presidente da Junta
Admin
avatar

Mensagens : 944
Data de inscrição : 17/10/2007

MensagemAssunto: Arroz mais caro leva a conflitos sociais   Dom Maio 04, 2008 11:57 am

Rolling Eyes
Ministro das Finanças japonês preocupado com países mais pobres da Ásia



A escalada do preço dos alimentos, em particular do arroz, pode desencadear conflitos sociais na Ásia, onde mil milhões de pessoas são directamente afectadas pela crise, alertou hoje, em Madrid, o ministro das Finanças japonês.


"O recente aumento dos preços do arroz vai atingir duramente os países da Ásia. Os mais afectados são os mais pobres, incluindo os pobres urbanos", declarou Fukushiro Nukaga durante a Assembleia Geral do Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD), a decorrer na capital espanhola até terça-feira.

"Isto terá um impacto negativo nas suas condições de vida e na sua alimentação. Esta situação pode levar a conflitos sociais", acrescentou.
Segundo o ministro japonês, é necessário "adoptar medidas para satisfazer imediatamente as necessidades dos mais pobres".

O preço do arroz tailandês, um dos mais utilizados na Ásia, é actualmente de cerca de 1.000 dólares (648 euros) a tonelada, o triplo do que era há um ano, quando se realizou a anterior assembleia do ABD, no Japão.

A nível global, os preços dos alimentos quase duplicaram em três anos, originando distúrbios em Abril no Egipto e Haiti, protestos noutros países e restrições às exportações no Brasil, Vietname, Índia e Egipto.

Nukaga alertou que as restrições às exportações aumentam os preços, enquanto os subsídios para ajudar os pobres a lidar com a questão poderão ser um fardo pesado para os orçamentos nacionais e "não são sustentáveis a prazo".

Os subsídios alimentares no Bangladesh, um dos países mais pobres da Ásia, deverão duplicar no corrente ano fiscal e atingir 1,5 mil milhões de dólares (973 milhões de euros).

O BAD anunciou sábado, na abertura da reunião de quatro dias em Madrid, que vai disponibilizar ajuda financeira imediata aos países da Ásia mais afectados pela crise alimentar mundial.

A 29 de Abril, o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, anunciou a criação de uma célula de crise para lidar com a questão da subida do preço dos alimentos e os consequentes problemas de fome.

Entre outras causas da crise, a ONU refere a falta de investimentos no sector agrícola, os subsídios que pervertem o comércio, os subsídios aos biocombustíveis, as más condições climatéricas e a degradação do meio ambiente.

SIC Online
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Arroz em risco de ser racionado   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Arroz em risco de ser racionado
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Problema- (festa de arroz
» ORDEM DE GRANDEZA DE GRÃOS DE ARROZ
» (Mack-SP) -Termoquímica
» matrizes
» Perda de Poder Aquisitivo

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Economia-
Ir para: