InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Bombas em mercados matam pelo menos 64 em Bagdá

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Bombas em mercados matam pelo menos 64 em Bagdá   Sex Fev 01, 2008 8:50 am

Bombas em mercados matam pelo menos 64 em Bagdá


Mercados foram alvo de atentados
Atentados podem abalar sensação de segurança na capital
Pelo menos 64 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas em dois atentados a bomba nesta sexta-feira, em Bagdá, em um dos dias mais violentos na capital do Iraque desde meados de 2007, quando a explosão de três carros-bomba matou 80 pessoas.

Segundo a polícia, as duas bombas foram detonadas por extremistas suicidas mulheres. A primeira explodiu em um popular mercado de animais, às 10h20 da manhã (hora loca, 5h20 am de Brasília), o Ghazil, que tinha sido alvo de três atentados no ano passado.

A bomba, que explodiu durante uma hora de grande movimento, teria causado a morte de 46 pessoas e deixado cerca de 80 feridos.

Vinte minutos depois, outra bomba explodiu em outro mercado de animais lotado, em Jadida, no sudeste da capital, causando a morte de pelo menos 18 pessoas e deixando 30 feridos.

Segundo analistas, o frágil senso de normalidade que havia voltado à capital depois de melhoras significativas na segurança poderá ser abalado pelas explosões.

'Muitos corpos para contar'

Com a polícia e funcionários de hospitais empilhando os corpos no bagageiro de caminhonetes, um representante do hospital Kindi disse: “Nós temos um desastre aqui, há muitos corpos para contar".

O mercado Ghazil, uma atração popular enter os moradores de Bagdá, só abre às sextas-feiras e está sempre lotado.

As barracas oferecem uma ampla seleção de pássaros exóticos, além de coelhos e gatos contrabandeados do Brasil e da África, usando caixas de papelão para transportar os animais pela feira.

Segurança frágil

No fim do ano passado, o Ministério do Interior afirmou que 75% dos grupos ligados à rede extremista Al-Qaeda teriam sido eliminados em 2007.

“A atividade (da Al-Qaeda) está limitada a certos locais ao norte de Bagdá. Nós estamos trabalhando na perseguição desses grupos, é a luta que vem a seguir”, disse na época o porta-voz do Ministério, general Abdul Kareem Khalaf.

Apesar das afirmações do Ministério do Interior iraquiano, o general David Petraeus, comandante-geral das forças americanas no Iraque, disse que a Al-Qaeda continuava sendo a principal ameaça ao país e que o aumento na segurança poderia ser facilmente revertido.

Em um balanço de final de ano, Petraeus disse que o número total de ataques no Iraque caiu 60% desde junho. Por outro lado, houve um pequeno aumento nos atentados suicidas com carros e coletes explosivos desde outubro, mostrando a fragilidade da segurança no país.

A queda na violência é atribuída, em geral, ao aumento do número de soldados americanos em Bagdá na segunda metade do ano passado.

O cessar-fogo anunciado pela mílicia Exército de Mehdi, do clérigo xiita Moqtada al Sadr em agosto passado também contribuiu para a sensação de segurança.

Outro fator crucial seria o fato de que milícias sunitas, que antes lutavam contra o governo iraquiano e contra os americanos, estarem agora lutando contra a Al-Qaeda.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Bombas em mercados matam pelo menos 64 em Bagdá   Sex Fev 01, 2008 10:39 am

Que noticia MARAVILHOSA para os INIMIGOS da LIBERDADE, DEMOCRACIA , para as ESQUERDAS INTERNACIONAIS!!! Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Bombas em mercados matam pelo menos 64 em Bagdá
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Probab. de premiar pelo menos alguém?
» Probabilidade
» Fundamentos da teoria dos Conjuntos
» Combinatória - (algarismos)
» Probabilidade - (o atirador)

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Europa e o Mundo-
Ir para: