InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Protestos contra domínio chinês deixam 10 mortos no Tibet

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Protestos contra domínio chinês deixam 10 mortos no Tibet   Sab Mar 15, 2008 3:14 am

Protestos contra domínio chinês deixam 10 mortos no Tibet










Carro da polícia patrulha um das ruas da capital do Tibet, Lhasa

Pelo menos dez pessoas morreram durante os protestos que ocorreram na sexta-feira contra os mais de 50 anos de domínio chinês
no Tibet, segundo informações da agência de notícias estatal chinesa Xinhua.



De acordo com a agência, os mortos eram “civis inocentes que queimaram até morrer”. Entre os mortos estavam dois funcionários
de um hotel e dois comerciantes.


Neste sábado o clima era de calma, depois que manifestantes liderados por monges e forças de segurança entraram em confronto
em Lhasa, capital do Tibet.



As
autoridades chinesas disseram que vão “reagir com firmeza” caso novos
protestos voltem a ocorrer nas próximas horas. Elas ainda negaram que a
polícia tenha atirado contra manifestantes que atearam fogo em lojas de
proprietários chineses.

De acordo
com o correspondente da BBC em Pequim, Dan Griffiths, um homem teria
tentado entrar no prédio da BBC na capital chinesa neste sábado com
fitas contendo cenas da violência registrada na sexta-feira, mas foi
impedido por guardas chineses.

O correspondente diz não saber para onde o homem foi levado e o que “poderá acontecer com ele”.

Dalai Lama

Os
violentos choques da sexta-feira encerraram uma semana inteira de
manifestações contra a China. Os protestos têm sido apontados como os
maiores e mais violentos dos últimos 20 anos no Tibet.

Os manifestantes perseguiram chineses que vivem na cidade, acenderam fogueiras para incendiar seus pertences, realizaram saques
e queimaram lojas.


De acordo com testemunhas, os manifestantes assumiram o controle do centro velho da cidade de Lhasa.

As autoridades chinesas acusaram o líder espiritual do Tibet, o Dalai Lama, de organizar os protestos.

"Houve suficientes sinais que provam que a recente sabotagem em Lhasa foi organizada, premeditada e planejada pelo bando do
Dalai", diz uma mensagem do governo regional do Tibet divulgada pela Xinhua.


Um porta-voz do líder espiritual tibetano rebateu a declaração e disse que as acusações são "totalmente infundadas".

Mais
cedo, o Dalai Lama divulgou uma mensagem em que manifestou preocupação
com os recentes episódios de violência no território.

O líder espiritual, que na Índia lidera o governo tibetano no exílio, pediu que o governo chinês "pare de usar a força e inicie
um diálogo com o povo tibetano para minimizar o ressentimento há muito crescente".


"Eu também peço a meus colegas tibetanos que não façam uso da violência", completou o Dalai Lama.

Adesão

Os protestos começaram como uma reação à notícia de que monges budistas teriam sido presos depois de realizar uma passeata
para marcar os 49 anos de um levante tibetano contra o domínio chinês.


Centenas de monges tomaram então as ruas, e os protestos ganharam força nos últimos dias, com a adesão de pessoas comuns.

Outros
protestos foram registrados inclusive fora do Tibet – há informações de
que centenas de monges realizaram uma marcha na província chinesa de
Gansu, e, na Índia, a polícia prendeu cerca de 25 pessoas que tentaram
invadir a embaixada chinesa em Déli.

Autoridades de países europeus e em Washington pediram que a China seja tolerante com os manifestantes.

Em
um comunicado, Louise Arbour, a alta comissária da ONU para direitos
humanos, também pediu a Pequim que "permita que os manifestantes
exercitem seu direito de liberdade de expressão e reunião, sem fazer
qualquer uso excessivo da força na manutenção da ordem".
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor mango

avatar

Mensagens : 4711
Data de inscrição : 13/09/2007

MensagemAssunto: Re: Protestos contra domínio chinês deixam 10 mortos no Tibet   Sab Mar 15, 2008 3:32 am

China encerra fronteira do Tibete e impõe ultimato a independentistas

As autoridades chinesas encerraram as fronteiras do Tibete na sequência dos confrontos entre manifestantes e militares.

As
imagens divulgadas pela televisão de Pequim mostram ataques de
militantes independentistas contra lojas chinesas e edifícios
governamentais na capital Lassa, que, segundo a agência Nova China
provocaram 10 mortos.

As organizações humanitárias tibetanas,
contactadas pela Euronews, falam no entanto de repressão policial com
balas reais contra manifestações pacíficas que terá provocado pelo
menos 25 mortos.

As mesmas fontes referem que o exército impôs o
recolher obrigatório na cidade, tendo dado um ultimato aos
manifestantes para que se rendam até segunda-feira. Há notícia também
de uma marcha de 2 mil pessoas, liderada por monges budistas, na cidade
de Amdo Labrang, no norte do território.

Pequim acusou o líder
espiritual tibetano, o Dalai Lama de fomentar a revolta para denegrir a
imagem do país antes dos Jogos Olímpicos.

No norte da Índia, uma
manifestação de centenas de exilados tibetanos, terminou com mais de 80
detenções, ameaçando inflamar a revolta da minoria budista que vive no
território.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Protestos contra domínio chinês deixam 10 mortos no Tibet   Sab Mar 15, 2008 10:43 am

VIVA O DALAI LAMA!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Estas a ouvir, SOCRATES?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Protestos contra domínio chinês deixam 10 mortos no Tibet   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Protestos contra domínio chinês deixam 10 mortos no Tibet
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Contra-Domínio da Função
» Contra fatos não há argumentos, ou contra argumentos não há fatos?
» Campanha internacional contra Julio Severo e outros cristãos ?
» Domínio da função
» Tema: A regulamentação do trabalho doméstico

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Europa e o Mundo-
Ir para: